Sexta, 30 de Julho de 2021 09:53
Esportes Mato Grosso do Sul

Subsecretaria lança cadastro para atletas e paratletas LGBT+

A Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT+, abriu nesta quarta-feira (23), o cadastro para atletas e paratletas LGBT+ sul-mato-grossense...

23/06/2021 14h50
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT+, abriu nesta quarta-feira (23), o cadastro para atletas e paratletas LGBT+ sul-mato-grossenses. Para realizar o cadastro basta preencher o formulário disponível no site www.cidadanialgbt.ms.gov.br

O levantamento visa mapear todo o setor esportivo LGBT+ do Estado, e através dos dados coletados, realizar uma análise descritiva e quantitativa que possibilitará a Subsecretaria promover ações e firmar parcerias para a inserção desses atletas em competições e ações esportivas de forma proporcional e eficiente.

“Estamos alinhando esse mapeamento em parceria com a Fundesporte e a Fundação Municipal de Esporte de Campo Grande (Funesp). Esses dados nos garantirá a inserção desses atletas e paratletas em ações ofertadas por essas instituições. É necessário que saibamos a quantidade de representantes LGBT+ que praticam algum tipo de esporte, e assim sermos os facilitadores pela promoção do respeito à diversidade nos ambientes esportivos”, explica o subsecretário de Estado de Políticas Públicas LGBT+, Leonardo Bastos.

O diretor-presidente da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), Marcelo Ferreira Miranda, destaca a importância da ação. “O esporte é um espaço democrático e de inclusão social. A Fundesporte é parceira da Subsecretaria de Políticas Públicas LGBT e com esse cadastramento de dados dos atletas vamos dar visibilidade a esse público e fomentar ainda mais o envolvimento com práticas desportivas, visando também a qualidade de vida”, pontua.

Já o diretor-presidente da Funesp, Claudinho Serra, ressalta que, além de ser mais uma voz, que se une na luta contra a LBGTfobia, o esporte passa a ter um papel importante como uma ferramenta para o combate ao preconceito, seja ele qual for. Lutamos para que os cadastros de atletas sejam amplos e representativos, nosso objetivo é trazer mais pessoas para praticar esportes, ter saúde e se sentir bem.”

O mapeamento faz parte das atividades da Semana Estadual do Orgulho LGBT+, realizada entre os dias 21 a 28 de junho.

Jaqueline Hahn Tente, Secretaria de Estado de Cidadania e Cultura (Secic)

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.