Segunda, 23 de Maio de 2022 02:08
Geral Mato Grosso do Sul

Águas de Miranda promove Festival de Pesca e se prepara para alavancar o turismo com asfalto na Estrada do 21

“Aqui o céu não vai ter limite para o turismo”, afirma o empresário Pedro Henrique Garcês, 42, proprietário do Hotel-Fazenda Genipapo, um dos princ...

09/05/2022 05h20
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Edemir Rodrigues
Edemir Rodrigues

“Aqui o céu não vai ter limite para o turismo”, afirma o empresário Pedro Henrique Garcês, 42, proprietário do Hotel-Fazenda Genipapo, um dos principais atrativos do distrito de Águas de Miranda, em Bonito, antevendo o futuro com a chegada do asfalto na MS-345 e os incentivos do Governo do Estado e da prefeitura do município para alavancar o potencial pesqueiro da região.

A realização do 1º Festival de Pesca Esportiva no Águas de Miranda, entre os dias 13 e 15 de maio, é considerado um novo marco para o distrito que será diretamente beneficiado com a pavimentação da antiga Estrada do 21 – são 100 km, da BR-419 ao centro de Bonito, com investimentos de R$ 95,6 milhões do Estado. A obra é uma realidade: quatro frentes estão em execução.

A melhoria do acesso, reduzindo a distância entre Campo Grande e Bonito em 70 km, coloca a pesca esportiva como um dos principais atrativos do premiado destino e dará maior visibilidade ao distrito no mapa turístico do Estado. Águas de Miranda, distante 180 km da Capital e 70 km de Bonito pela MS-345, conta com excelente estrutura hoteleira (600 leitos) e serviços.

“O asfalto e o apoio do Estado e da prefeitura trarão mais progresso e vai mudar o perfil do nosso turismo, atraindo até mesmo o turista que vai a Bonito, o qual, muitas vezes, não conhece a piscosidade do nosso rio (Miranda)”, aponta Leia Rezende, que, ao lado do marido, Renato Falcão, administram a Cabana do Pescador, uma das maiores estruturas de pesca local.

Pesca em família

Apostando nesse divisor de águas, o empreendimento, situado na beira do Miranda e a 10 km da comunidade, é um dos apoiadores do Festival de Pesca Esportiva (modalidade pesque-solte), que terá 60 equipes na prova adulta, a ser realizada no dia 14 (sábado). O evento está atraindo pescadores esportivos de Mato Grosso do Sul e outros estados, como São Paulo e Paraná.

“Estamos dando total atenção ao Águas de Miranda, preparando o distrito para o desenvolvimento que terá com o asfalto”, afirma o prefeito bonitense Josmail Rodrigues. “Vamos ter a secretaria do Turismo dentro do distrito, que terá uma ambulância até o fim do ano, uma unidade de reciclagem do lixo, rede de saneamento e um portal de entrada”, anuncia.

Josmail agradece os investimentos do Governo do Estado no município, que chegam a R$ 300 milhões em obras em andamento e novos projetos, afirmando que o ex-secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, “é o construtor, ao lado do governador Reinaldo Azambuja, de uma gestão municipalista que está transformando Bonito e todo o Estado”.

O torneio de pesca, segundo o prefeito, inaugura um novo perfil do turismo que está sendo incentivado para atrair grupos de família, meta que conta com o apoio dos empresários, e promover outros atrativos, como observação de pássaros. “Estamos doando uma área para a Polícia Militar para garantir mais segurança com o aumento do fluxo de turistas”, disse.

Uma Estrada-Parque

Águas de Miranda conta com uma unidade da Policia Militar Ambiental (PMA), que terá reforço de policiais de Aquidauana durante o torneio, e a prefeitura de Bonito já reivindica a presença da Polícia Rodoviária Estadual para controlar o tráfego quando for concluído o asfalto na MS-345. Principal acesso ao destino, a rodovia terá movimento intenso de veículos.

Enquanto a obra de pavimentação avança, com trechos de rochas exigindo detonação que concentra até 1.800 quilos de dinamite, como ocorreu na semana passada no lote 4, o distrito fundado na década de 1970 está em processo de transformação. Um clima de entusiasmo toma conta dos seus seis mil moradores com o crescimento do turismo e geração de empregos.

“Chegou o nosso momento, o asfalto era o grande sonho e o Festival de Pesca vai abrir as portas”, comemora a empresária Sônia Maria Percigili, 52, que administra o Pesqueiro Santa Ines e é a representante da prefeitura no distrito. “Seremos descobertos pelo Brasil com os incentivos ao turismo de pesca e natureza que estamos recebendo do Estado e do Município”.

Para o dono do Hotel-Fazenda Genipapo, Pedro Henrique Garcês, a nova mentalidade dos empresários e os investimentos do Estado já estão mudando esse perfil turístico. “0 pescador já não quer levar o peixe e se interessa mais por natureza. Com o asfalto, a MS-345 vai se tornar uma Estrada-Parque, atraindo amantes de aventura no pedal e motorizado”, comenta.

Dourado, o troféu

O 1º Festival de Pesca Esportiva de Águas de Miranda integra o plano de desenvolvimento da região, que inclui reestruturação, promoção e organização do segmento pela prefeitura de Bonito. O evento movimenta a cadeia do turismo e revela a excelente estrutura que o distrito tem para oferecer ao visitante, desde hotéis, pousadas e ranchos, a um comércio forte.

“Aqui no Miranda você pega toda espécie de peixe, mas o dourado é o mais procurado e está saindo muito depois que o governo proibiu a captura”, atesta o empresário Henrique Filho, 27, que tem um empreendimento voltado para a pesca. “Nosso turismo está crescendo e com o asfalto a vila está atraindo muitos investidores e vai se tornar um novo município”, aposta.

Henrique é um dos organizadores do torneio e responsável pela inscrição das equipes (informações pelo Whatts App 67 99629.5622). O valor da inscrição (são 60 equipes na prova adulta) é um quilo de alimento não perecível. Serão premiados com troféus o pescador que fisgar o maior dourado; o maio peixe de couro e o maior peixe de segunda. A prefeitura de Bonito vai sortear um barco de 6m, um motor 15 HP e um caiaque entre os participantes.

A prova principal terá largada no sábado, às 7h, na Praia do Salto (ao lado da ponte sobre a MS-345). A área de pesca se estenderá até a Cabana do Pescador, abrangendo cerca de 20 km de rio. O torneio será aberto na sexta-feira (13), com entrega dos kits aos participantes e show com o grupo Alma Serrana, às 20h, no pátio central. A prova infantil será no domingo (15), às 7h, e encerramento às 21h com show do grupo Tradição.

Texto: Subsecretaria de Comunicação

Fotos: Edemir Rodrigues

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.